• Editora Sucesso

Como desenvolver a capacidade de foco e concentração em menores

A partir do momento que a criança se prepara para a realização da tarefa, ela deve encontrar um ambiente propício, estimulante e seguro.

A psicopedagoga Regina Lima explica que é natural que uma criança pequena não consiga se concentrar por muito tempo, principalmente no ambiente escolar. No entanto, segundo ela, para que isso ocorra é preciso que, a partir do momento que a criança se prepara para a realização da tarefa, ela encontre um ambiente propício, estimulante e seguro.


"Concentração está ligado ao seu próprio interesse, aquilo que é a sua proposta de escolha. Muitas são as ofertas com as quais nos deparamos, por vezes mais atrativas e interessantes. Portanto, o estímulo ao aprender é uma consideração de suma importância para a autonomia e para o sucesso tão desejados em cada um de nós", argumenta Regina Lima.

A especialista lembra que não muito diferente, essa articulação se dá aos adolescentes. Regina Lima completa afirmando que é dever de todos que os cercam potencializar a responsabilidade de realização das tarefas que lhes são propostas. “Quando não há uma patologia, uma avaliação racional da realidade permite construir um modelo de aprendizagem considerando a participação de todos os envolvidos no processo”.

Orientações – Regina Lima ressalta que o uso de jogos interessantes sob o ponto de vista da criança pode ser uma estratégia eficaz para conseguir sua atenção. A especialista sustenta que o jogo vai auxiliar na coordenação motora, na socialização e no desenvolvimento da tolerância "O jogo vai aprimorar ainda a noção de limite e do respeito; assim como no transcorrer do desenvolvimento da aceitação da vitória à frustração. Contudo, é preciso que, junto com ela, experimente situação de aceitação e prazer", aconselha Regina Lima.

A psicopedagoga acrescenta que as atividades manuais são recomendadas tanto para o benefício do desenvolvimento da imaginação e criatividade como também para favorecer o raciocínio e a coordenação motora, fundamentais para o progresso cognitivo. "O incentivo à aquisição de livros também é uma ótima prática. A leitura é um hábito que traz benefícios valorosos para o estímulo da concentração, além de estreitar laços entre as pessoas que dividem o momento prazeroso e mágico da imaginação e do conhecimento", relata Regina Lima.

23 visualizações
Publicidade